Compass

(11) 98369-7398 contato@compassconsult.com.br

Jogos Empresariais

Jogos Empresariais

Ouço e esqueço. Vejo e me lembro. Faço e compreendo.
(Confúcio – 551-479 A.C)

Cada vez mais as empresas procuram treinar competências, desenvolver novas habilidades, fazer com que seus executivos e times “pensem fora da caixa”, disseminar conceitos ou divulgar missão, visão e valores através de atividades vivenciais

Extremamente dinâmicos, os JOGOS EMPRESARIAIS têm contribuído para o alcance desse objetivo específico, fazendo com que os participantes vivenciem conceitos e práticas.

A princípio, todo e qualquer tema pode ser tratado através de uma atividade lúdica com foco educacional. A Compass poderá desenvolver um jogo especialmente para sua necessidade, dentro de um conceito estruturado e integrado aos seus objetivos, aos seus princípios e à sua realidade empresarial.

Conheça alguns de nossos jogos e veja como eles poderão ajudar sua equipe e sua empresa a alcançar os objetivos estratégicos:

A Caçada

Esse jogo tem o objetivo de desenvolver competências necessárias para o alcance e implementação de estratégias de resultados. Conceitos como: motivação, trabalho em equipe, foco, objetivo comum, comprometimento e informação são trabalhados em uma dinâmica altamente interativa onde os participantes vivenciam na prática a realidade do dia a dia na busca de concretizar estratégias eficazes.

Os participantes da Caçada são convidados para um intrigante safári e a missão é “caçar” a maior quantidade de números, seguindo normas pré-estabelecidas pelo Instituto da Caça (IC). Os caçadores são divididos em 2 grupos. Os do primeiro grupo são friamente instruídos, pouco orientados e induzidos a trabalhar individualmente, com objetivos não definidos, levando-os a um rebaixamento natural de motivação e resultados.

Já no segundo, os demais caçadores são tratados de forma oposta, criando um cenário mais adequado ao trabalho em equipe e colocando-os em um ambiente privilegiado em relação aos do primeiro grupo.

Nesta etapa, as tarefas são cumpridas em um contexto onde objetivos comuns, superação de metas e planejamento é o foco.

No final do safári, é comparada a performance dos dois grupos e o impacto do trabalho em equipe, estabelecimento de estratégias (e os esforços para alcançá-las), motivação e compartilhamento de informações.

Action Now

Game corporativo que de forma lúdica provoca os participantes a pensar estrategicamente os desafios enfrentados pela sua empresa em tempos competitivos.

Os participantes passam “1 ano” em Kantun, ilha paradisíaca, com governo e constituição próprios e são desafiados a vender um produto inovador confrontando-se para atender aos clientes.

Para atuar no mercado, os participantes têm que decidir sobre a região de atuação, mix de produto, preços de comercialização, investimentos promocionais, dimensionamento da força de vendas e aquisição de pesquisas de mercado e preço.

Os principais aspectos trabalhados são:

  • Construção de cenários;
  • Definição dos objetivos na conquista e retenção de clientes;
  • Análise da atratividade de mercado;
  • Conhecimento e foco no cliente;
  • Estratégias de precificação;
  • Estratégias de promoção;
  • Dimensionamento da força de vendas;
  • Análise estratégica de mercado;
  • Análise estratégica da concorrência.

Ao final do jogo as equipes fazem uma breve apresentação sobre a experiência. É avaliada a estratégia utilizada, sua eficácia e o impacto em relação às estratégias das equipes concorrentes. O consultor avalia a capacidade dos participantes de reconhecer obstáculos que influenciaram seus resultados e estratégias, fazendo uma analogia com a realidade da empresa e as peculiaridades de seu mercado

Black Diamond

Trata-se de um surpreendente jogo de guerra, travado em ambiente de altíssima competitividade, em que os “soldados” – colaboradores – devem estudar e antever os movimentos dos “inimigos” – concorrentes -, desenvolvendo estratégias de aquisição, manutenção e retenção de “territórios” – clientes.

O Black Diamond começa no ano de 2011, quando o mundo passa por uma crise de petróleo jamais vista. No continente africano são descobertos lençóis petrolíferos com diferentes potenciais de extração em cada território. Neste contexto instigante, os soldados são convocados para conquistar o maior número de territórios e, conseqüentemente, explorar suas jazidas de forma lucrativa.

Para isso, os exércitos recebem recursos para aquisição de armamentos – destroyers, helicópteros e tropas de elite – e informações confidenciais, com os quais terão que traçar os melhores planos de ataque e defesa para atingir seus objetivos. O tempo e os recursos são limitados, fazendo-os tomar decisões rápidas e estratégicas em um ambiente de constante mutação.

Os principais aspectos trabalhados são:

  • Plano de negócios;
  • Planejamento estratégico;
  • Inteligência de marketing;
  • Segmentação de mercado;
  • Custos de aquisição e manutenção de clientes;
  • Retorno sobre investimento (ROI).

Ao final do jogo, os participantes avaliam suas performances e fazem uma análise destas em relação aos concorrentes e as variáveis incontroláveis ocorridas durante o jogo. O facilitador faz analogias de estratégias, táticas e planos de ação do mundo corporativo com a guerra, seus recursos militares e bélicos, e, principalmente, demonstra as lições que podem ser tiradas deste ambiente conflituoso.

Escola de Samba


Com muita alegria, descontração, criatividade e trabalho em equipe, os participantes terão oportunidade de “colocar o bloco na rua” cantando temas inerentes à vida corporativa.

Uma Escola de Samba somente existe quando todos trabalham por um único resultado. O empenho dos seus participantes – cada um na sua área – tem como objetivo ser a melhor em todos os quesitos em que disputam.

No mercado as empresas vitoriosas trabalham dentro de uma estrutura muito parecida, onde todos os profissionais são chamados a serem os melhores individualmente e em times.

O grupo elege um presidente da escola (que terá a visão do desfile) e é dividido em blocos. Os blocos elegem seu líder (diretor de ala)que faz o trabalho delegado (produção de figurinos, adereços e coreografia da ala) da forma mais criativa e primorosa possível.

Isso acontece com todos os blocos, mas todos voltados para um único objetivo: O DESFILE DA SUA ESCOLA.

Cada ala tem um facilitador com especialização dentro da sua área: Percussão (bateria com até 30 instrumentos), figurino (confeccionados com material fornecidos pela consultoria), composição, música e dança. Os facilitadores não interferem no processo de criação dos grupos. Os facilitadores também são oferecidos pela consultoria.

Trata-se de um trabalho que agrega novos valores, trata de temas delicados de forma leve, clara e, principalmente, não gera conflitos nem disputas.

Objetivos:

  • Harmonizar e integrar uma equipe com histórias e realidades individuais diferentes, em prol de um único objetivo.
  • Energizar o grupo e oferecer recursos para conquista de resultados.
  • Concentrar esforços nas realizações e capacidades para enfrentar desafios.
  • Transformar um grupo de pessoas em uma equipe de sucesso.
  • Utilizar a capacidade individual de superação a cada dia, a fim de transformar sonhos em realidade.

Temas Trabalhados:

  • Superação de desafios
  • Capacidade de realização
  • Administração de conflitos
  • Integração
  • Trabalho em equipe
  • Comunicação
  • Planejamento
  • Criatividade e inovação
  • Relacionamento
  • Liderança e liderados
  • Como e quando delegar
  • Novos aprendizados
  • Adequação de tempo
  • Entrega e celebração
  • Compromisso com resultados
Maxy Park


Próximo aos Alpes Suíços instala-se o maior parque de diversões temático da Europa: o Maxi Park. Com 16 atrações diferentes, o parque gera grande empolgação e expectativa entre os visitantes que participarão de sua inauguração.

Neste dia, para otimizar o aproveitamento dos visitantes nas atrações, representantes do Maxi-Park em 7 países europeus serão responsáveis pela programação desses visitantes.

Os principais pontos trabalhados são:

  • Fluxo de processos;
  • Visão holística e integrada do sistema;
  • Excelência no atendimento a clientes- externos e /ou internos;
  • Processos eficientes e eficazes;
  • Mix de serviços compartilhados;
  • Priorização de operações;
  • Planejamento logístico de serviços;
  • Otimização de recursos disponíveis;
  • Gerenciamento do tempo.
Missão Infalível


É um programa de treinamento outdoor com o objetivo de desenvolver aspectos como conscientização da produtividade profissional, pensamento estratégico, trabalho em equipe, comunicação intra e intergrupal, capacidade de planejamento e implementação de tarefas.

Os participantes são Agentes Especiais do SAT – Serviço Anti-Terrorismo – e têm a missão de desarmar bombas que um terrorista de codinome Nostradamus escondeu pelo local onde estão os participantes, a fim de desafiar a inteligência do SAT.

Para desarmar as bombas os agentes precisam: Encontrar os códigos de desarmamento; Encontrar as bombas e Encontrar o Nostradamus.

O terrorista Nostradamus deixou para nossos agentes uma maleta Top Secret, com recursos indispensáveis para o trabalho de inteligência deles. Para abrir essa maleta, eles precisam decifrar um código secreto e pegar sua primeira pista para ir em busca da sua missão.

Os agentes deverão traçar uma estratégia para coletar e decifrar pistas sobre a localização e neutralização dos artefatos, assim como a identidade e paradeiro do procurado.

Cada pista é um enigma para ser decifrado e que levará nossos agentes para a próxima. Os enigmas podem ser a resolução de um Sodoku, um anagrama, ou uma carta mascarada. Além disso, eles devem negociar partes de suas pistas com as outras equipes.

A pressão e corrida contra o tempo são grandes. Por isso, as equipes devem desenvolver planos estratégicos e táticos para: Coleta, análise e dedução de informações; Logística operacional: deslocamento e investigações; Possíveis cooperações: parcerias para troca de informações com outras equipes.

No debrief os participantes falam sobre suas experiências para o restante do grupo. O facilitador resgata a experiência narrada pelos participantes e faz analogias com assuntos do dia a dia da Organização em que eles estão inseridos, baseado em teorias de comportamento humano sobre comunicação, trabalho em equipe, motivação, produtividade e eficácia.

Planeta Futebol


Planeta Futebol é um jogo corporativo baseado em negociações por benefício, valor agregado e estratégias em grupo. Esse grupo de participantes está dividido em equipes de até 5 componentes, que podem ser dirigentes ou técnicos de clubes de futebol em todo o mundo.

Está separado em 3 partes:

  • apresentação de regras
  • temporada de negociação
  • debrief

Em um futuro próximo, grandes corporações decidem investir em novos times de futebol para divulgação de suas marcas, e, com isso, a Liga Planeta Futebol assume o campeonato mundial interclubes.
De um lado estão os dirigentes dos clubes que desejam vender os passes de seus jogadores, e de outro, os técnicos que precisam comprar jogadores para montar seus times.

Inicia-se então uma grande rodada de negociações entre técnicos e cartolas. Os técnicos têm o objetivo de montar o time de melhor performance representada pelo saldo de gols, enquanto os cartolas têm o objetivo de ganhar o máximo possível de dinheiro com a venda dos jogadores.

A negociação terá então dois vencedores, um time de cartolas e outro de técnicos.

No debriefing, o facilitador evidencia e explora a importância de vender valor (benefício), mostra como maximizar as oportunidades por meio de negociações e ressalta a importância de oferecer valor agregado como fator de diferenciação.

Robo Tron

Jogo de negócios vivenciado em um ambiente de alta competitividade e soluções inovadoras, onde os participantes deverão fazer apuradas análises mercadológicas e desenvolver produtos adequados a diversos públicos, com diferentes necessidades.

Pautado no ano de 2020, em que o mundo passa por profundas transformações sociais e tecnológicas, os participantes tornam-se gestores da RoboTronics Corporation, uma montadora robótica que produz e comercializa andróides para os mais variados fins – militar, científico, doméstico e industrial. Visando garantir os objetivos corporativos, as equipes de gestores farão uma leitura do cenário externo, detectando oportunidades, prospects, seus perfis e necessidades latentes, bem como a ação da concorrência.

Com esta leitura, deverão então definir e comprar os componentes dos modelos RoboTron – programas, baterias, estruturas e idiomas -, que impactarão diretamente no custo dos andróides, seus benefícios ao usuário e conseqüente aceitação pelos prospects.

Os principais aspectos trabalhados são:

  • Visão de cenários;
  • Interpretação de mega-tendências do mercado;
  • Planejamento Estratégico;
  • Inovação de produtos e serviços;
  • Gestão do conhecimento e inteligência competitiva;
  • Aproveitamento de leads, prospects e oportunidades;
  • Compreensão das expectativas do cliente;
  • Composição do mix de produto;
  • Composição e políticas de preços;
  • Reflexos da globalização;
  • Necessidades logísticas.

Finalizado o jogo, o consultor explora junto às equipes suas maiores facilidades e dificuldades encontradas na análise estratégica do ambiente vivenciado. Faz um paralelo dos aspectos do jogo com a realidade da empresa, tendo como base um mercado cada vez mais exigente e globalizado.

SpaceCom

É um programa de desenvolvimento dinâmico, inovador e divertido, visando proporcionar vivência no uso das teorias e técnicas requeridas no mundo dos negócios por meio de conceitos do BSC – Balanced Scorecard. Trata-se de um surpreendente jogo ambientado num futuro próximo, cujo objetivo das equipes de participantes é explorar os recursos naturais de uma galáxia distante.

O SpaceCom começa no ano de 2051, quando a Terra passa por uma crise de energia jamais vista. Planetas ricos em trion – minério capaz de substituir o petróleo – são descobertos e apresentam diferentes potenciais de extração e necessidades para colonização. Neste contexto instigante, os “tripulantes” do jogo são convocados para um desafio único: explorar as jazidas de trion pelos próximos 5 anos, por meio de uma estratégia balanceada.

Os principais pontos trabalhados são:

  • Equilíbrio dos indicadores de performance do BSC;
  • Visualização da interdependência dos indicadores e seus impactos na Organização e mercado;
  • Vivência prática de uma estratégia de gestão balanceada;
  • Compreensão das perspectivas do BSC e os benefícios que estas trazem à orientação estratégica da organização.

No debrief, o facilitador faz analogias diretas da vivência no SpaceCom com a realidade vivida na Organização em que estão inseridos, utilizando como base as teorias de Gestão Estratégica Balanceada.

Resgate Complexo


Simulação de resgate em montanha que reúne, com realismo e intensidade, as competências necessárias para o sucesso numa situação desafiadora. Os participantes recebem treinamento para executarem tarefas de busca e resgate, através de oficinas de orientação com bússola, primeiros socorros, comunicação por rádio, transporte em maca e organização de uma base de comando. Um chamado para socorrer vítimas numa área natural desencadeia uma operação, e os participantes se organizam em equipes para o resgate.

Marcante e envolvente, esta atividade é uma forte analogia com o ambiente de pressão e urgência e as competências necessárias para restituir a ordem no caos e evitar o agravamento de uma situação de emergência – visão macro e estratégica, criatividade, planejamento, tomada de decisão, trabalho em equipe, equilíbrio emocional, dinamismo, capacidade de trabalho sob pressão. O cuidado com o “cliente” representado pelas vítimas, logística e gerenciamento dos recursos, comunicação, senso de urgência, perseverança e empenho. O processo e os resultados da busca destacam o espírito cooperativo, o valor de participar de um esforço nobre, a auto-superação.

Totalmente inesperado, um chamado no rádio informa um grave acidente acontecido nas imediações, e somente este grupo tem a possibilidade de realizar o socorro, por meio de uma Busca e Resgate. Através da organização de uma Base de Comando e de equipes de Varredura, todos são responsáveis pelos resultados.

O tempo é escasso e a pressão é máxima, pois vidas estão em jogo e é necessário lidar com as vítimas, com a mídia e consigo mesmo…

PLEI – O Jogo da Inteligência Emocional

Descobertas científicas em neurociência e genética humana possibilitaram a criação de pílulas capazes de transformar o comportamento humano. Por meio de uma simples ingestão são adquiridas novas competências e habilidades.

Vários países já apresentaram seus projetos para a produção da Pílula do líder Emocionalmente Inteligente e o cientista que representa o Brasil precisa concluir o seu urgentemente, pois nosso país está prestes a perder o patrocínio e ser excluído das pesquisas.

Os participantes fazem parte de um projeto secreto e têm o desafio de desenvolver a composição da pílula que irá revolucionar a história da humanidade. Isto ocorrerá através das atividades previamente estruturadas pelo cientista onde eles irão exercitar os aspectos da Inteligência Emocional e as competências de liderança.

PLEI é um jogo cooperativo que promove a alta capacidade adaptativa, relacional e motivacional dos participantes, bem como o desenvolvimento da inteligência emocional de maneira lúdica e divertida, através da:

  • Promoção do autoconhecimento – O que são as emoções? Como identificá-las? Aspectos cognitivos e fisiológicos das emoções.
  • Auto controle – Gerenciamento das emoções; Como utilizar as emoções à nosso favor; Administrar emoções potencialmente prejudiciais – Ira, medo e stress.
  • Auto motivação – Dirigir as emoções para alcançar objetivos.
  • Empatia – A arte de compreender o outro; Reconhecimento das emoções de outras pessoas.
  • Relacionamento Interpessoal – Desenvolvimento da habilidade de entender e relacionar-se com as outras pessoas; O que as motiva? Como trabalham e como trabalhar cooperativamente com ela? Flexibilidade e adaptação a diversidade humana.

O jogo conta também com recursos visuais de multimídia com interatividade.

Publico Alvo: Líderes, gestores, profissionais de diversas áreas e estudantes interessados em desenvolver sua inteligência emocional visando mais sucesso profissional e pessoal.