Compass

(11) 98369-7398 contato@compassconsult.com.br

Teambuilding

Um floco de neve é uma das mais frágeis criações, mas veja o que eles conseguem fazer quando se juntam.
(Autor desconhecido)

Teambuilding

O que é?

O desenvolvimento do espírito de equipe deve ser incentivado de maneira intensa nas empresas, para que cada colaborador possa se inserir no grupo, contar com o apoio de seus colegas e desempenhar seu papel. O Teambuilding visa potencializar as equipes de modo que a interação conduza a um resultado superior à soma das partes.

O Teambuilding é uma metodologia que alinha as competências e a diversidade do grupo aos objetivos da empresa. Energiza e fortalece o grupo e o incentiva a buscar soluções diferentes para problemas rotineiros de forma participativa.

Foco deste trabalho

Os temas serão definidos a partir de reuniões e/ou criados especialmente pela Compass para identificar necessidades de cada área/equipe. No diagnóstico o cliente poderá contar com a aplicação de um assessment para todos os participantes.

A partir desses resultados, apresentados e discutidos previamente com a empresa, o “Programa de Desenvolvimento de Equipe” será construído com “a cara do cliente”.

Alguns temas que poderão fazer parte deste trabalho:

  • Definição de missão, valores e visão organizacional;
  • Definição de objetivos e metas da área e/ou alinhamento aos objetivos e metas empresariais;
  • Definição de papéis, funções, responsabilidades e autonomia;
  • Resolução de conflitos;
  • Relação com a liderança;
  • Melhoria da produtividade da equipe;
  • Quebras de paradigmas;
  • Melhoria do espírito de equipe para promover mais satisfação e motivação;
  • Aumento do comprometimento e dos resultados;
  • Celebração pelos resultados conquistados.
Diagnóstico

As ferramentas de Diagnósticos da Compass auxiliam as empresas a compreender exatamente porque as equipes não produzem os resultados esperados e, principalmente, as causas que as afetam impedindo-as de alcançar seus objetivos e a trabalharem no conceito de times de Alta Performance.

O Diagnóstico consiste na aplicação de um questionário envolvendo fatores que, mal gerenciados, poderão afetar a performance de suas equipes. Após a aplicação desse instrumento, poderemos complementar o diagnóstico com entrevistas e/ou um workshop, onde a equipe irá abordar as questões de maneira aberta e honesta. O foco desse encontro é permitir às pessoas que se manifestem de maneira clara, transparente, sem confrontos ou medos de expressarem suas opiniões.

Como dito por Harvey Robbins e Michael Finley, escritores e especialistas em desenvolvimento de grupos de trabalho: “Equipes têm de ser fomentadas, alimentadas, bem-tratadas, e necessitam, de vez em quando, de uma válvula de escape”. Assim sendo, as equipes podem ser confusas e propensas a todos os tipos de problemas inerentes à natureza humana:

  • Equipes confundem-se quanto às suas metas;
  • Seus participantes tendem a não aceitar os papéis que lhes são atribuídos;
  • Equipes têm dificuldades para tomar decisões;
  • Seus participantes, muitas vezes, não são adequadamente recompensados;
  • Seus líderes nem sempre agem como tal.

Equipes falham por falta de clareza quanto as suas necessidades, conflitos mal resolvidos, confrontos de personalidades e falta de confiança. Tudo isso pode ser abordado por meio da compreensão e do reconhecimento de como cada membro da equipe se comporta e reage a diferentes situações.

Ao entender o perfil de sua equipe atual, será possível esboçar um plano de ação para alcançar o perfil da equipe ideal.

O diagnostico irá:

  • Identificar fatores que afetam a performance da equipe;
  • Apresentar uma visão mais clara das áreas a serem desenvolvidas;
  • Apresentar um quadro completo dos pontos fortes e de suas limitações;
  • Mostrar o grau de satisfação e insatisfação sobre o modelo de gestão do grupo bem como sugestões de melhorias.
O jeito Compass de fazer teambuilding

Neste trabalho a Compass, através de sua metodologia envolvente e dinâmica, das atividades vivenciais (indoor ou outdoor) e de seus jogos empresariais, contribuirá com a empresa na criação e/ou fortalecimento de suas equipes de trabalho.

Nosso jeito de diagnosticar e conduzir o processo propõe uma solução negociada de conviver mais focada do que um treinamento simples e genérico. Este tipo de intervenção tem se mostrado muito eficaz para equipes que precisam promover ajustes internos, no sentido de construir-se, ou de alavancar seus resultados e trazer saúde relacional à sua convivência cotidiana.

Atividades Vivenciais

As Atividades Vivenciais têm a função de desenvolver competências e aprimorar as qualidades do ser humano. Podem ser feitas outdoor ou indoor, dependendo das necessidades de cada empresa. Tais atividades já se tornaram muito eficientes na preparação de executivos e gestores de empresas modernas para as diversas e freqüentes mudanças do meio empresarial, utilizando-se de ferramentas provenientes da psicologia, andragogia, antropologia e sociologia.

Já são comprovados os efeitos benéficos das experiências vivenciais, que nada mais são do que participação ativa como estimuladoras do processo. Quando trabalhado em grupo, os resultados são mais evidentes, pois se compartilham idéias, percepções e sensações, o que resulta em aprendizado mais eficiente.

Nossas atividades contribuem para transformar executivos, empresários, equipes, em homens e mulheres altamente motivados para superar as dificuldades de um cenário em eterna transformação.

Estas atividades são usadas como um diferencial para os funcionários buscarem mais sinergia, união, motivação e melhoria na qualidade do trabalho, além de qualidade de vida e crescimento pessoal.

Resultados esperados

Os resultados variam de empresa para empresa, pois cada uma tem sua cultura, seu momento e suas metas. Ações e resultados a serem percebidos e constatados:

  • Desenvolver sua própria maneira de mudar seus paradigmas e crenças pessoais;
  • Melhorar a comunicação, criatividade e entrosamento entre a equipe;
  • Tornar mais direto e transparente o relacionamento com a equipe;
  • Desenvolver a capacidade de mudar a postura pessoal, buscando mais envolvimento com todos;
  • Conhecer as características da equipe;
  • Incentivar ações práticas para tornar o grupo mais unido;
  • Gerar maior capacidade de trabalharem em equipe, com respeito às características de cada um;
  • Elaborar Plano de Mudança de cada pessoa e do grupo.